Como deve ser a alimentação do ciclista

U Marcos A.    t 20 de julho de 2016


Nem só de musculação vive o homem não é verdade? Existem vários tipos e formas de se exercitar e manter o corpo e a saúde em dias. O ciclismo é uma prática que vem crescendo consideravelmente e hoje podemos ver até clubes se formando e pessoas que praticam esse esporte em grupo.

Como deve ser a alimentação do ciclista

Para levar o esporte ainda mais a sério é preciso ter uma boa alimentação. Algo mais específico que ajude a melhorar a performance e que seja um bom combustível para a manutenção do ciclista em cima da bike sem se preocupar.

Carboidratos e proteínas

Esses são dois nutrientes de muita importância para essa prática esportiva. Os carboidratos são a nossa fonte de energia primordial. Quando o seu corpo precisa de energia é deles que ela será retirada e convertida em ATP, a moeda energética do corpo humano.

O ideal é que esses carboidratos sejam do tipo complexo, ou seja, que contenham fibras. Boas fontes desse tipo de carboidrato são a batata-doce e a mandioca, por exemplo. Os carboidratos também ajudam a produzir o glicogênio, principal fonte de energia dos músculos.

Como deve ser a alimentação do ciclista

As proteínas também têm o seu grau de importância aqui. Afinal de contas, as fibras musculares dos membros inferiores ficam bastante desgastadas e precisam se refazer. Para isso, ter uma boa quantidade de proteínas disponíveis no organismo é essencial.

Gorduras saudáveis

E quem foi que disse que as gorduras podem ficar de fora? De jeito nenhum! Elas também são excelentes fontes de energia e são utilizadas quando as reservas de carboidrato da estão quase no fim. Outra função muito importante da gordura é o fato dela fazer parte da composição da camada celular.

Hidratação

Como deve ser a alimentação do ciclista

Essa é uma parte de extrema importância em qualquer exercício físico, especialmente o aeróbico. Porém, um erro que muitos cometem é lembrar de beber líquidos apenas no momento do treino. Isso tem que acontecer durante todo o dia. Após o treino é interessante ingerir bebidas com eletrólitos já que são substâncias que se perdem através do suor no treino.

Alimentação pré-treino

Como deve ser a alimentação do ciclista

Esse é o momento para investir em carboidratos de baixo índice glicêmico como umas raízes e alimentos integrais. Mas fique ligado porque nem tudo que tem fibra possui baixo índice. Por exemplo, a maltodextrina, muito utilizada no esporte para gerar energia, apesar de ser constituída por fibras, possui um elevado IG.

Durante o treino

Como deve ser a alimentação do ciclista

Tudo aqui vai depender do tempo de treino que você faz. Se o percurso for longo, cerca de 1 hora, é indicado que você tenha à mão carboidratos de rápida absorção que possuem elevado IG. Você pode encontrar em lojas que vendem suplementos uns géis que possuem essa função e são mais práticos.

Alimentação pós-treino

Como deve ser a alimentação do ciclista

Depois de pedalar você deve comer imediatamente pois o seu corpo estará ávido por nutrientes. Neste caso, é possível consumir carboidratos simples sempre acompanhado de proteínas por conta do desgaste muscular dos membros inferiores.

Devo procurar um profissional?

Para qualquer tipo de esporte ou exercício que você pratique, o melhor é procurar um profissional ou profissionais já que cada um faz uma parte do trabalho. Primeiro, o nutrólogo, que através de exames consegue ver quais são os nutrientes que estão abaixo dos níveis normais, entre outras coisas. Depois, um nutricionista, que vai receitar uma dieta de acordo com as suas necessidades.


Deixe uma resposta