Conceitos que devem acompanhar quem faz musculação

U Fabíola Cunha    t 1 de novembro de 2016


Para quem está se esforçando na musculação para tentar promover uma mudança drástica em seu físico e saúde, algumas palavras e conceitos precisam ser colocados junto aos treinos e suplementos.

Equilíbrio

conceitos

Essa palavra é muito usada como sinônimo de simetria e proporção no que se refere ao desenvolvimento muscular. Mais importante, no entanto, é utilizá-la em vários aspectos da sua vida. Você precisa encontrar o equilíbrio entre treinamento, alimentação e descanso, além de todas as outras coisas importantes da vida: família, amigos, trabalho, escola, espiritualidade, diversão, etc.

Leia também: Quanto tempo leva para musculação ter efeito.

Cuidado

cuidado

“Não desista”, “Deixa queimar”, “No pain, no gain”…muitos gritos de guerra, lemas ou conselhos ouvidos nas academias focalizam a intensidade máxima e ir além, sempre além. Porém, sem cuidado, uma lesão pode surgir e fazer com que você retroceda ou atrase seu progresso por meses – uma lesão que ocorre em um instante pode ficar com você para o resto da vida. Aqueça, alongue e trabalhe sua consciência corporal. Dor às vezes é sinal de problema, não de conquista.

Saúde

saúde

Se você focaliza a musculação como uma maneira de ficar maior, mais forte e só vê os resultados na fita métrica ou balança, pode estar esquecendo a parte mais importante: a saúde. Um programa de exercícios regulares, alimentação que inclui todos os nutrientes (não apenas os que fazem os músculos crescerem) e repouso adequado é o melhor a ter.

Holístico

conceitos

Essa palavra está relacionada a conexão profunda entre os sistemas do organismo. Para a saúde, os sistemas são a mente, o corpo e o espírito. Focalize o crescimento de suas capacidades mentais tanto quando suas capacidades físicas. É uma decisão pessoal como desenvolver sua espiritualidade. Um indivíduo completo é muito mais que um indivíduo com musculatura desenvolvida.

Limitação

conceitos

Há muita ênfase em superar defeitos e fraquezas ou priorizar partes do corpo que não respondem tão bem quanto outras. Às vezes parece que as pessoas acreditam que mais repetições ou mais peso vai alongar clavículas estreitas ou transformar panturrilhas finas. A verdade é que a maior parte das limitações genéticas não podem ser superadas, simplesmente. Faz parte do trabalho entender o que você pode ou não conquistar através da musculação. Aceite o que não pode mudar e empenhe-se em mudar o que pode.


Uma resposta para “Conceitos que devem acompanhar quem faz musculação”

  1. silvana disse:

    ótimas dicas objetivas e diretas…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *