Elimine hábitos que incham a barriga e perca centímetros da região

U Milena Costa    t 13 de março de 2018


É comum que por falta de conhecimento tenhamos hábitos que incham nossa barriga e até outras partes do corpo. Muitas vezes a pessoa não é gorda e até mesmo leva uma vida muito saudável, com boa alimentação e exercícios. Mas alguns centímetros de barriga ainda parecem ser impossíveis de eliminar.

Nesse artigo você encontra alguns hábitos e outras ocasiões que podem nos levar a inchar. Devido ao inchaço na região abdominal, podemos pegar pesado na academia, mas esses centímetros sempre voltam ou nunca somem. Saiba como perder centímetros de barriga eliminando hábitos que incham.

hábitos que incham

Falar durante refeições

Falar durante as refeições é um dos hábitos que incham, isso porque esse hábito nos faz engolir ar. Quando engolimos ar durante as refeições acabamos com a região abdominal inchada.

Comer muito rápido

Mais um dos hábitos que incham ligado ao jeito de ingerir os alimentos. Quem come muito rápido também ingere ar, e quando isso acontece o estômago incha com os gases.

hábitos que incham

Para evitar não apenas o inchaço da região, mas também mal estar. O ideal é tirar sempre um tempo para se alimentar com tranquilidade. Mastigar bem cada garfada é o ideal.

Aproveite para conferir nosso artigo sobre como perder barriga de forma saudável

Não expelir corretamente a água ingerida

Beber muita água é o ideal a se fazer todos os dias. Mas se você ingere muito líquido é preciso expelir corretamente. Algumas pessoas tem problemas para expelir líquidos e podem ficar inchadas, principalmente na região da barriga.

Vale a pena procurar a ajuda de um médico, mas você pode optar por usar diuréticos naturais para se livrar da retenção de água. Água com limão ajuda bastante, mas não precisa exagerar.

Beber com canudo

hábitos que incham

Beber líquidos com canudinho tem o mesmo efeito que comer muito rápido ou falar durante as refeições. Também é um dos hábitos que incham. Portanto vale a pena tomar líquidos da forma tradicional.

É óbvio que nem sempre será possível evitar o canudo. Mas vale a pena evitar o uso dele ao máximo se você está preocupado com o inchaço na região da barriga.

Aproveite para conferir também nosso artigo sobre alimentos que dão mais energia e disposição no cotidiano

Bebidas alcoólicas

Bebidas alcoólicas desidratam o corpo. Por esse motivo nosso corpo tende a reter água quando ingerimos álcool, para evitar que fiquemos desidratados. O ideal é cortar bebidas alcoólicas.

hábitos que incham

Mas há quem não consiga abrir mão. Nesse caso sempre tome um copo de água entre um copo de outro de bebida alcoólica. Para que seu corpo não sinta tanto os efeitos do álcool e não comece a reter água.

Fazer isso ajuda com sua saúde além de diminuir a retenção de água. Vale lembrar que é indicado que você reduza ao máximo o consumo de álcool, afinal é um produto prejudicial ao corpo.

Aproveite para conferir nosso artigo sobre 5 exercícios fáceis de fazer em casa sem aparelhos que também são ótimos para o abdômen.

Jantar tarde

hábitos que incham

Jantar tarde ou comer em excesso e alimentos pesados antes de dormir, é um dos hábitos que incham. Além de inchar ele faz seu corpo acumular mais gordura. Afinal o corpo entra em repouso sem ter feito bem a digestão.

Se você tem esse hábito, é bom começar a jantar mais cedo, umas duas horas antes de ir para a cama. Quem chega tarde do trabalho e não pode fazer isso, o indicado é que você opte por algo leve antes de dormir. Como carnes brancas, saladas e legumes. Tudo com moderação.

Aproveite para conferir nosso artigo sobre como usar suplementos alimentares da forma correta para emagrecer

Dica

Nem precisa falar de alimentos que incham. Como refrigerantes e açúcares. Mas vale a pena relembrar que é ideal que quem quer perder alguns centímetros de barriga deve evita-los. Se você notou que está inchado, vale muito a pena rever seu cardápio. E o melhor a fazer é sempre ficar longe de industrializados.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *