Treino ABC iniciante – O que é? Quais as vantagens?

Você já ouviu falar do treino ABC iniciante? Pois bem, este é um dos modelos mais clássicos e básicos que podemos encontrar no “mundo fitness”. E o nome não poderia ser mais lúdico para quem está iniciando, não é mesmo? “Aprender o ABC” para que, assim, você possa desenvolver força e condicionamento para o restante dos métodos.

Mas, o que de fato é o treino ABC iniciante? E como você poderá colocar ele em prática? É isto que entenderemos no texto de hoje. Porém, antes de mais nada, é fundamental que você entenda que este não é um artigo de “receita infalível”, ok?

Treinar de forma intensa e correta, sempre será o melhor caminho para os resultados. E o treino ABC, quando bem estruturado e executado, poderá, sim, te ajudar. E para complementar sua leitura posterior, recomendamos este artigo: Dicas para quem está Iniciando a Musculação.

Assim sendo, acompanhe para entender.

treino ABC iniciante
Mulher treinando na academia – Foto: Freepik

Treino ABC iniciante – O que é?

O treino ABC iniciante, nada mais é do que uma composição de três tipos de treinos, cada um deles focado em um conjunto específico de músculos. Ou seja, o ABC é uma maneira lúdica de organizar um treino com três divisões diferentes e pensado de forma individual.

Com o treino ABC, você poderá treinar em dias diferentes na academia, cada tipo de conjunto muscular de forma específica e focada.

Por exemplo, na segunda-feira você poderá treinar pernas ombros, na quarta-feira poderá treinar braços e na sexta-feira, poderá treinar peito. Claro, posto isto de uma forma extremamente superficial.

Afinal, cada organização dependerá do seu objetivo, porte físico e do que o instrutor organizar para você.

Ou seja, não há uma “regra” que diga o que é A, B ou C. Esta é apenas uma forma visual e mental de manter separado cada tipo de treino em dias específicos, de acordo com um planejamento racional, obviamente.

Para ler depois: Como escolher a academia ideal para musculação.

Quais as vantagens do treino ABC iniciante?

O treino ABC iniciante, conforme já entendemos, é um modelo muito prático e simples de ser seguido. Afinal, tudo que você precisa é interpretar cada um dos exercícios postos.

Estes exercícios, no caso, serão confeccionados de forma personalizada para o seu corpo e objetivos, focando cada uma das etapas em um grupo muscular específico.

E com isso, muitas vantagens e benefícios acabam sendo encontrados neste método. Entre alguns deles, são os seguintes:

  • Foco e especificidade no grupo muscular;
  • Ideal para ganhar massa e força;
  • Ideal para criar divisões e equilíbrio;
  • Flexibilidade para tirar e colocar treinos;

Falaremos sobre cada um deles de forma individual a partir de agora. Acompanhe para entender tudo.

treino ABC iniciante
Homem treinando na academia – Foto: Freepik

Foco e especificidade no grupo muscular

A primeira grande vantagem do treino ABC iniciante, é o foco na academia. Pode parecer simples, e até é. Mas, o foco é uma das coisas mais importantes que qualquer tipo de treinamento vai exigir para que os resultados apareçam. Ou seja, de nada adianta treinar de maneira aleatória e “a gosto”. É preciso treinar com especificidades e pequenas conquistas a cada treino.

E partindo deste princípio, claro, o treino ABC se torna uma das formas mais viáveis de conseguir este tão importante foco. Afinal, aqui você treinará cada grupo muscular de maneira individual e dedicada, sem interrupções.

Ideal para ganhar massa e força

A segunda ótima vantagem, é a versatilidade do tipo de treino. Ou seja, o treino ABC não é apenas feito para conquistar um ou outro objetivo. Por mais que ele seja muito focado, ele pode entregar muita força e massa muscular ao seu corpo (afinal, são coisas diferentes).

Ele é dividido de uma forma que cada grupo muscular possa ser treinado para receber o impacto e as cargas necessárias para se desenvolverem. Então, enquanto você descansa de uma série de musculação, pode fazer outra para buscar força. E assim, poderá ir dosando e equilibrando, mas de maneira focada, sempre em um grupo muscular.

Este treino é o ideal para unir o útil ao agradável.

Ideal para criar divisões e equilíbrio

Outra grande vantagem do treino ABC iniciante, é a possibilidade de criar divisões e manter tudo isso equilibrado. Ou seja, para não perder o foco durante um dia na academia, é fundamental que haja uma sequência lógica de treinos.

Por mais que pareça simples organizar um treino, acredite: de nada adianta treinar grupos musculares aleatórios. Afinal, um pode prejudicar o outro quando feito de forma não pensada.

E este tipo de treino serve justamente para aceitar esta mescla e, assim, fazê-la de uma maneira inteligente. Por exemplo, a sobrecarga de um treino em um único músculo, além de criar lesões, poderá mais atrapalhar do que ajudar no desenvolvimento.

E por falar em lesões, recomendamos a leitura deste artigo: Saiba como evitar lesões no treino na academia ou fora dela.

Flexibilidade para tirar e colocar treinos

O treino ABC iniciante é excelente para se ter flexibilidade. Ou seja, seu instrutor poderá facilmente adaptar, acrescentar e tirar alguns tipos de treinos que você possa estar tendo dificuldades e encaixar eles de outra maneira.

Por exemplo, se uma sequência estiver pesada demais, a ponto de coibir os movimentos, talvez a solução seja intercalar o treino com outro exercício. Assim, você ainda continuará fazendo os outros, mas o corpo ganha um respiro.

Não é incrível?

treino ABC iniciante
Mulher treinando na academia – Foto: Freepik

Como um treino ABC iniciante pode ser dividido?

E por fim, vamos para a prática! Como o treino ABC iniciante pode ser montado? Bom, isto dependerá de diversos critérios, como: seu porte físico, seus objetivos, sua vivência em academias, seu sua força, etc. E isto, quem deverá definir, sempre será seu instrutor ou personal trainer.

Mas, para facilitar seu entendimento, vejamos um exemplo prático de como o treino pode ser montado.

  • Treino A: Peito, tríceps, adutores, glúteos.
  • Treino B: Bíceps, dorsal, ombros, isquiotibiais.
  • Treino C: Ombros (áreas não treinadas no B), trapézio, panturrilha, abdômen.

Veja que este é apenas um exemplo de montagem de treino e, portanto, é fundamental que isto seja adaptado de acordo com sua necessidade. Jamais force o seu corpo ao limite a ponto de se lesionar, ok?

Lembre-se: os resultados na academia acontecem no longo prazo e aos poucos. Bons treinos!

Separei mais esses conteúdos para você:

Mais conteúdo Similar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui