Em quanto tempo se perdem os benefícios dos exercícios?

U Fabíola Cunha    t 1 de agosto de 2017


Todos conhecem os benefícios dos exercícios físicos, mas ele não são permanentes. E, infelizmente, os benefícios chegam mais devagar para quem começar a praticar do que os prejuízos para quem abandona as atividades.

Veja abaixo o que pode acontecer com o corpo após um período sem atividades físicas.

Dez dias sem exercícios

benefícios dos exercícios

É uma certeza científica de que praticar exercícios ajuda na saúde do cérebro. Um estudo de 2013 comprova que praticar atividades físicas ajuda a combater a perda de memória relacionada com o avanço da idade.

Um novo estudo mostra que mesmo uma pequena pausa dos exercícios pode causar mudanças no cérebro. Um grupo de maratonistas experientes deixou de se exercitar por 10 dias. Então uma ressonância magnética foi feita e mostrou redução do fluxo sanguíneo no hipocampo.

O hipocampo é associado com a memória e as emoções. Eles não apresentaram mudanças cognitiva (relacionada com a capacidade de aprender e reter conhecimento.

Duas semanas sem exercícios

benefícios dos exercícios

Em apenas 14 dias, a pessoa já apresenta mais dificuldade para subir escadas ou jogar uma simples partida de futebol. A quantidade máxima de oxigênio que o corpo consegue usar cai após esse período – cerca de 10% em 14 dias.

Mesmo que não haja muita variação na força ou velocidade, os níveis de açúcar no sangue e pressão sanguínea podem subir.

Depois de quatro semanas sem exercícios

benefícios dos exercícios

A força de uma pessoa que abandona os exercícios diminui mais rápido que sua resistência. Um estudo publicado em 2011 no Journal of Strength and Conditioning aponta que um grupo de homens deixou de fazer exercícios de resistência e mesmo assim conservou sua força até 24 semanas depois.

Oito semanas: perda dos benefícios dos exercícios

benefícios dos exercícios

Gordura. Depois de dois meses sem exercícios, as mudanças no corpo são visíveis no espelho e também na balança. Mesmo em atletas de elite isso é notável.

O mesmo Journal of Strength and Conditioning Research publicou um estudo em 2012 sobre nadadores de competição que pararam de treinar por 5 semanas.

Após esse período, eles tinham em média 12% a mais de gordura no corpo, além de aumento de peso e circunferência abdominal.

Isso não quer dizer que um descanso é sempre prejudicial. Quando um atleta corre a Maratona de Boston (cerca de 42 km) ele vai precisar de alguns dias de repouso.

Nesse período, fazer caminhada, alongamentos, natação leve – tudo isso pode ser benéfico.

Quer saber como começar a se movimentar? Veja nossa matéria sobre como sair do sedentarismo!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *